20 de janeiro de 2010

Last Days Of Left Eye

VH1 Rock Docs - Last  Days Of Left Eye
 Uma surpresa interessante!


Já tinha visto a chamada desse documentário outras vezes na VH1, mas por não saber do que se tratava, por falta de tempo… por n fatores, nunca tinha visto, até ontem à noite. De bobeira comecei a assistir e ver no que dava… Quando ouvi que era sobre Lisa Lopes, (aka. Lisa “Left Eye” Lopes), não cheguei a me interessar, nem lembrava direito quem seria, mas foi só tocar “Waterfall” que descobri … “Left Eye” era também o L do TLC… que eu confesso, gostava bem mais do que das Destiny’s Child… 
Um documentário bem interessante sobre a vida e os últimos dias de Lisa “Left-eye” Lopes, narrado por ela mesma numa busca por se conhecer melhor e permitir que outros a conhecessem e soubessem de seu legado. Pode parecer pretencioso, mas não é o que acontece, porque o filme toma forma de um diário, em que ela relembra fatos de sua infância até aquele momento. Um papo aberto, como confidências ao expectador.
Nesse filme, ela e amigos vão para um retiro espiritual em Honduras. Ela tinha como intenção passar 30 dias, registrando todos os momentos. Durante esse período ela começa a perceber coisas estranhas e sonhos estranhos… No 26º dia ela tem um acidente em que atropela um garoto, durante a madrugada ele acaba morrendo e ela se oferece para custear todos os gastos da família. Ela fica mexida, e revela que talvez o garoto tivesse morrido em seu lugar, pois também tinha o sobrenome Lopes. Pressentimentos ou não, é no dia seguinte que saindo para mais uma gravação ela sofre uma acidente de carro com sua equipe, de todos no carro ela é a única a falecer.
Algumas coisas são estranhas, não podem ser explicadas. Ela teve a chance de deixar as memórias para que não fosse esqueida. E durante o filme, algumas coisas parecem sinais de que algo está para acontecer, como o surgimento de corvos, urubus e essas aves agourentas. Ok, numa floresta pode ser normal, mas o jeito dela parece mudar, como se sentisse algo estranho…
Enfim, não sei se fiquei mexida e por isso gostei tanto do que vi no documentário, mas recomendo para quem quiser conhecer um pouco mais dessa história, ver um documentário auto biográfico…
Depois de tantos altos e baixos, quando as coisas parecem encontrar o seu caminho, tudo sai do controle…
E é assim, pra fora da estrada da vida, que ela deixa de brilhar… para se transformar em outra coisa, numa memória… em mais um jovem que parte cedo demais…
Vale a pena assistir, mesmo que seja só pra lembrar…

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...