17 de novembro de 2011

No escurinho do cinema...

Animada com os lançamentos dos cinemas? Nem tanto, mas nada melhor que um cineminha num dia chuvoso, ainda mais quando não dá pra assistir em casa, já que papai resolveu pintar a sala e desmontar tudo.rs
A opção do dia era O Contágio ou A Casa dos Sonhos... já que eu já ando meio surtada com trocentas manias e litros de álcool gel, achei que era melhor ver a segunda opção...rs


Will Atenton (Daniel Craig) é um bem sucedido editor em Manhattan que deixa o emprego e se muda com a esposa Libby (Rachel Weisz) e suas duas filhas para a cidade de Nova Inglaterra. Só que logo eles descobrem que a casa onde vivem foi, no passado, o local do assassinato de uma mãe e seus filhos, um crime que a cidade inteira acredita ter sido cometido pelo próprio marido. Will começa a investigar o caso e logo percebe que há algo de estranho na história. Sua única pista é Ann Patterson (Naomi Watts), uma misteriosa vizinha que conhecia a família que foi vítima da tragédia.


Não se deixe enganar pelo trailer, não é um filme de terror... é melhor... um thriller de suspense bem interessante. Não vou falar muito para não estragar as surpresas...rs 

E depois... uma aventurinha básica e arriscar um segundo filme de uma forma nada convencional e bem ao estilo dos adolescentes dos filmes de sessão da tarde...rs
A opção que tinha era O Preço do Amanhã... que apesar de não ter interessado muito pelo trailer, era o que tinha...rs


Em um futuro próximo, o envelhecimento passou a ser controlado para evitar a superpopulação, tornando o tempo a principal moeda de troca para sobreviver e também obter luxos. Assim, os ricos vivem mais que os pobres, que precisam negociar sua existência, normalmente limitada aos 25 anos de vida. Quando Will Salas (Justin Timberlake) recebe uma misteriosa doação, passa a ser perseguido pelos guardiões do tempo por um crime que não cometeu, mas ele sequestra Sylvia (Amanda Seyfried), filha de um magnata, e do novo relacionamento entre vítima e algoz surge uma poderosa arma com o sistema e organização que comanda o futuro das pessoas.



Ok, o Justin quer ser ator, a gente já entendeu... mas apesar de não ser tão ruim, também não é assim tão bom...rs
Amanda está linda, adorei essa mudança racial de visual, e vestidos e casacos de chorar de tão lindos... mas convencer que ela fez tudo aquilo com aquele salta gigantesco é pedir demais, eu sei que isso é detalhe, mas conta pra mim...rs
Filme pipoca, tem umas sacadas interessantes, mas não passa muito disso como filme. A relação de tempo, vida, dinheiro e poder é até interessante, mas é tão superficial, tão clichê que quase fica desapercebida.  A maior diversão era identificar os atores em cenas e antigos trabalhos, personagens, séries...


Enfim... filmes e mais filmes... bons ou não, são filmes...rs

bjos

2 comentários:

Aline Aimée disse...

Olha, não fosse a sua resenha, não teria dado confiança pro Casa dos Sonhos. Acho que darei uma chance!
=P

Beijo, querida!

Nina disse...

Oi Clau! Acabei de conhecer seu blog e adorei. Eu nem tinha me empolgado muito para ver A Casa dos Sonhos, mas acho que agora vou lá. E esse O Preço do Amanhã eu nem sabia que tinha entrado em cartaz! hehehehe
Estou seguindo.
Beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...