16 de agosto de 2012

Coisas de menininha, livros e coincidências...

Pois bem, sabe aquele período em que você fica sem nada para ler e quase surta em busca de algo bacana?
To sentido contrário...rs... Além de Guerra dos Tronos - que travei no segundo vergonhosamente, com a desculpa de era grande e pesado demais para levar na viagem a trabalho - comecei a ler um outro que tinha pego emprestado com a Dé... fora o meu presente de aniversário que ainda não terminei de ler...rs
Confuso?!rs Normal...rs
Quando fui viajar a trabalho, tinha tanta coisa para carregar que optei por levar esse que peguei emprestado,  afinal é uma versão pocket bem leve, prática e foi bem indicado pela dona...rs
Agora fez-se a confusão, porque ainda não terminei nenhum, mas já vou acumulando novas vontades...rs
E são gêneros tão diferentes... acho que a graça está nesse detalhe...rs

Vamos lá... o que estou lendo agora é o Sushi, da Marian Keyes.

Informações úteis sobre o livro:
Editora: Edições BestBolso
Sinopse: "Sushi" é um livro sobre a busca da felicidade. E ensina que, quando você deixa as coisas ferverem sob a superfície por tempo demais, cedo ou tarde elas acabam transbordando. Perspicaz, engraçado e humano, este romance de Marian Keyes consolida sua posição como a mais popular jovem autora da Grã- Bretanha. Lisa Edwards, a durona e sofisticada editora de revistas, acha que sua vida acabou, quando descobre que seu novo emprego "fabuloso" não passa de uma ordem de deportação para a Irlanda, com a missão de lançar a revista Garota. Ashling Kennedy, a editora assistente da Garota, também tem seus problemas. É a Rainha da Ansiedade, e não é de hoje que sente que algo não está cem por cento na sua vida. E não só porque o que lhe sobra são bolsas, falta em cintura e namorado - mas porque, no fundo, no fundo, falta algo mais, como aquele pontinho minúsculo que fica na tela quando a gente desliga a TV à noite. Conhecida como "Princesa", a vida sempre deu a Clodagh tudo que queria (e por que haveria de ser diferente, quando se é a garota mais bonita da turma?). Ao lado de seu príncipe e dois filhinhos encantadores, ela vive um conto de fadas doméstico em seu castelo. Mas então, por que será que nos últimos tempos anda sentindo vontade - e não pela primeira vez - de beijar um sapo? (Abrindo o jogo: de dormir com um sapo). Mais um sucesso de Marian Keyes, que vem divertindo milhares de leitores no mundo todo. (Fonte: Skoob)

--*--*--

Sobre a versão pocket: além de pequena, leve e prática é bem amiga do bolso, preço justo. Outra parte bacana é que o texto está na integra, nada de cortar ou resumir trecho para caber, um livrinho de cerca de 560 páginas mais leve que minha carteira...rs

Ainda não terminei, é verdade, mas é quase uma compulsão, sempre que posso agarro o livro e devoro o quanto posso...rs
É o tipo de livro, digamos, de menininha, mas é bom ler algo assim de tempos em tempos, sair do eixo terror, suspense e coisas do gênero... é bom provar dessa feminilidade e de cenas que ao ler remetem a coisas reais, simples e que acontecem com a gente... não no mesmo nível, mas acontecem...rs
Leitura leve e divertida, estou adorando e já fico de olho nos outros títulos da autora. Alguns a Dé já leu e deu a opinião, pelo andar da coisa, vou  acabar lendo a coleção dela também...rs

Sobre a autora:
Marian Keyes é uma escritora irlandesa. 

Graduou-se em Direito na Dublin University, sem, contudo, jamais ter exercido a profissão. Morou em Londres por muitos anos, trabalhando ora como garçonete ora em escritórios. Neste mesmo período começou sua luta contra o vício do alcoolismo e inclusive uma tentativa de suicídio, depois de vencida a batalha, alcançou o sucesso como escritora.
Autora de vários best sellers do gênero Chick Lit, os seus livros exploram o universo feminino com muito humor e leveza. Seus temas centrais no entanto levam a tona muitos assuntos delicados, tais como: luto, depressão pós parto, violência domestica... As personagens criadas pela escritora possuem perfis realistas, que permitem com que o leitor se identifique com a trajetória de vida narrada.  (Fonte: Skoob)


Alguns títulos dessa autora:

Obs:
Acho extremamente divertido como as coisas acontecem e se encaixam no final das coisas... nada é só o acaso... são apenas pequenos detalhes de uma cena maior...rs

Aleatoriedade que faz sentido, ou se não fizer, mais pra frente explico...rs


Bjos

Update! (21/08) - Terminei de ler e gostei bastante!

3 comentários:

Tati disse...

Eu entendi a aleatoriedade, será?? Acho que sim kkkkkkkk Essa é a autora de Bridget Jones né? Amo demais essa personagem, acho fabulosa.
Beijos
Tati

Clau disse...

kkk... provavelmente entendeu sim Tati...rs

A Marian (autora) tem sido considerada a nova bam-bam-bam do gênero, pelo que li por aí...como sendo uma nova "Bridget"... essas coisas de marketing...rs
Mesma linha de texto e tema...rs
Não li Bridget Jones ainda...mas é o que dizem..rs

To doida pra conecer mais textos e mais coisas dessa autora, é bem divertido..rs

Bjos...saudades!

deborawolf.com disse...

Esse livro ficou estre os mais vendidos por várias semanas...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...